27 de novembro de 2016

[Resenha] Os 13 Porquês

Livro: Os 13 Porquês
Escritor(a): Jay Asher
Editora: Ática
Classificação:
Sinopse: Ao voltar da escola, Clay Jensen encontra um misterioso pacote com várias fitas cassetes. Ele ouve as gravações e se dá conta de que foram feitas por uma colega de classe que cometeu suicídio duas semanas antes. Nas fitas, ela explica que 13 motivos a levaram à decisão de se matar. Clay é um deles. Agora ele precisa ouvir tudo até o fim para descobrir como contribuiu para esse trágico acontecimento.|Skoob
















As vezes falamos algo sem querer e sem imaginar as consequências daquelas palavras, as vezes podemos até pensar "são só palavras, não machucam", e pode ser que realmente não machuquem, mas essas palavras geram consequências, e, as consequências sim podem machucar. E o que Os 13 Porquês me fez ver que, as palavras elas tem muita influência sobre nós, e que o mal uso delas pode gerar situações graves e irreversíveis.

Hanna Backer suicidou-se, e houve 13 motivos para que isso acontecesse, e antes de morrer, a Hanna grava em fitas, as 13 razões que levaram ela a tirar sua própria vida, e essas fitas estão destinadas a passarem para 13 pessoas ouvirem, 13 pessoas essas que estão envolvidas em cada motivo.

Eu nunca tinha lido histórias de suicídios antes desse livro, apesar de ter muitas recomendações. E mesmo sem ler outros livros sobre este assunto, eu não tenho dúvidas que esse livro é o que melhor retrata este tema, pois não é o suicídio em si que me chamou atenção nesse livro, e sim os motivos que a levaram a esse ato, os motivos são tão reais e a cada vez que eu lia um motivo eu me sentia tão na pele da personagem, pois os motivos são coisas do dia a dia que fazemos com pessoas que nos cercam e nós não percebemos o quanto aquilo afeta aquela pessoa, e você lendo o livro, você percebe que em algum momento você já passou ou já presenciou, ou até mesmo, praticou uma dessas ações contra alguém.

Esse livro me fez chorar capítulo por capítulo, e eu pretendo lê-lo novamente pois foi uma história comovente, e além do mais, é uma lição de vida, eu recomendo muito esse livro, e para quem está passando por algo parecido, não tome a mesma atitude da Hanna, procure ajuda, diga o que está sentindo, e procure confiar na sua família, não ache que esse fim é o melhor fim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário