[Resenha] Dias Perfeitos

- 11 janeiro 2018

Livro: Dias Perfeitos
Escritor(a): Raphael Montes
Editora: Companhia das Letras
Classificação:
Sinopse: Téo é um solitário estudante de medicina que divide seu tempo entre cuidar da mãe paraplégica e examinar cadáveres nas aulas de anatomia. Durante uma festa, ele conhece Clarice, uma jovem de espírito livre que sonha tornar-se roteirista de cinema. Ela está escrevendo um road movie sobre três amigas que viajam em busca de novas experiências. Obcecado por Clarice, Téo quer dissecar a rebeldia daquela menina. Começa, então, uma aproximação doentia que o leva a tomar uma atitude extrema. Passando por cenários oníricos, que incluem um chalé em Teresópolis e uma praia deserta em Ilha Grande, o casal estabelece uma rotina insólita, repleta de tortura psicológica e sordidez. O efeito é perturbador. Téo fala com calma, planeja os atos com frieza e justifica suas atitudes com uma lógica impecável.|Skoob





















Téo é um jovem de 22 anos, estudante de medicina que se dedica exclusivamente sua vida à sua faculdade. Não tem amigos e nem laços afetivos com ninguém, porém ele sente um carinho enorme por uma cadáver, que apelidou de Gertrudes, cadáver essa que ele conheceu nos estudos na faculdade. Sabendo que o filho não era uma pessoa de muitas amizades, a mãe do Téo o aconselha a sair, ir para uma festa e conhecer pessoas, e ele decide seguir o conselho da mãe e vai à uma festa onde ele conhece a Clarice, Téo fica fascinado pela moça, a personalidade dela o encanta muito e assim que bate os olhos nela Téo fica completamento apaixonado pela Clarice e quer a todo custo conquistá-la, porém ele não contava com o fato de que Clarice tinha namorado e que ela não queria nada com ele. Sem aceitar a situação, Téo age pelo impulso e acaba fazendo algo totalmente bruto e cruel, com a Clarice. Ele simplesmente seda e sequestra a Clarice, para tentar fazer com que ela comece a amá-lo.

Eu nunca tinha lido livros sobre psicopatas antes, e um dia eu vi uma publicação numa rede social, indicando os melhores livros sobre psicopatas e o livro Dias Perfeitos estava nessa lista, e eu simplesmente decidi que iria ler o livro. Já sabendo que o livro iria tratar sobre psicopatia, li sem me surpreender com as atitudes do Téo, e apesar de não concordar com suas ações eu li e entendi o seu lado, mas o fato de eu entender não muda a ideia de que achei cruel todas as atitudes dele. E o que mais me chamou atenção foi a forma tranquila com que ele contava uma mentira e como ele achava que manter a Clarice presa era algo totalmente certo. Mas todas as coisas absurdas que ele fez não se compara ao que ele fez com a Clarice, quase no fim do livro, foi realmente triste e imperdoável a sua conduta para com a Clarice, e ele sempre diz que tudo que ele faz é em nome do amor.

O final do livro é totalmente criativo, eu achei que foi a melhor decisão do autor botar o fim tão impactante e quero deixar aqui meus parabéns ao escritor, fiquei muito feliz que a minha primeira experiência sobre livros que tratava uma personagem psicopata foi esse livro incrível, e ainda mais de um escritor brasileiro. O livro merece muito reconhecimento pelo desenvolvimento sensacional que ele tem.

Sem sobra de dúvidas eu indico esse livro, ainda mais para quem quer conhecer mais sobre como funcionada a mente de um psicopata, e o que leva um psicopata a machucar uma pessoa que ele diz amar. Dei 4 estrelas para esse livro pois apesar de uma história extraordinária eu queria um pouco mais de suspense.

8 comentários:

  1. Oii Nívea, tudo bem? Amo livros com personagens psicopatas, deve ser pq eles são meio imprevisíveis né , esse livro tá na minha lista já faz tempo, mas sempre acabo adiando a compra, vamos ver se esse ano eu leio.
    - Beijos, Carol!
    http://entrehistoriasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Nívea, tudo bem? Já assisti a muitos filmes e séries com psicopatas, mas livros não, seria minha primeira experiencia tb! O autor é super bem comentado e até bateu uma curiosidade. Que bom que vc curtiu a leitura!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. Oi Nívea,
    Também conheci a escrita do Raphael recentemte, e foi muito positiva.
    Quero que esse seja o próximo e tomara que não demore muito.
    Já em calafrios pela Clarice, que rapaz maluco. Adorei a dica.

    bjs
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  4. Oi Nívea.
    O Raphael Montes é um autor bem recomendado e apesar de nunca ter lido nada dele, tenho certeza que este livro deve ser mesmo muito interessante.
    Que bom que curtiu a leitura.
    Bjus

    ResponderExcluir
  5. Nívea, não conhecia esse livro, mas ó, parece bom demais!
    É bem o tema que eu curto ler! O que será que ele aprontou com a Clarice? Curiosa!

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  6. Amei sua resenha, parece ser bem interessante, já anotei a dica :D

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi! Eu não curto muito livros assim e os livros do autor aborda temas bem polêmicos e criativos. Ultimamente tenho lido muitas resenhas de suas obras e são bem instigantes e curiosas, se eu curtisse, com certeza leria. Bjos <3

    Click Literário

    ResponderExcluir
  8. Nunca li um livro em que o protagonista mesmo fosse um psicopata e mesmo interessando, acredito que eu não iria gostar. Tudo bem, mesmo sabendo que ele é psicopata, acho que a história me incomodaria muito.
    De qualquer forma, vou anotar a dica. Quem sabe um dia eu leia, não é?

    Beijos,
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir

Olá, eu amo ler seus comentários, deixem a opinião de vocês que responderei em breve :)